Pitch 'n Pizza Liga Ventures - O case da Laureate Brasil
Cases

“É essencial que as grandes empresas se conectem às startups para gerarem novos negócios e inovar”, diz Danilo Machado, diretor de TI da Laureate Brasil

Com o objetivo de impulsionar a performance e aumentar o número de inscrições nos vestibulares, a Laureate Brasil encontrou nas startups uma solução

Sobre a Laureate Brasil

Reunindo algumas das principais instituições de ensino do país, a Laureate Brasil tem como principais valores a qualidade acadêmica, inovação e uma formação voltada para o mercado de trabalho, permitindo a inclusão social por meio da empregabilidade e a transformação de comunidades através do desenvolvimento de cidadãos e novos líderes.

Com estes princípios, o Grupo Laureate conta hoje com nomes tradicionais do mercado educacional brasileiro em diversas regiões do país, incluindo Business School (SP), FMU | FIAM-FAAM (SP), Universidade Anhembi Morumbi (SP), IBMR (RJ), UNIFACS (RJ), UniRitter (RS), FADERGS (RS), UNIFG (PE), CEDEPE Business School (PE), UnP (RN) e FPB (PB). Atualmente, a Laureate Brasil conta com cerca de 268 mil alunos em todas as suas instituições, nas quais oferta cursos de graduação, pós-graduação (MBA, lato e stricto sensu), extensão, cursos livres e idiomas, nas modalidades presencial e EAD. 

A Laureate Brasil integra também a rede global Laureate International Universities, sendo a primeira Corporação de Benefício Público (PBC) do mundo a ter ações negociadas em uma bolsa de valores.

Dentro de todo este contexto, um dos objetivos constantes da Laureate Brasil envolve o reforço de seu posicionamento inovador, por meio da busca de soluções que possam auxiliar a empresa na atração de novos estudantes, resolução de demandas internas e construção de novos modelos de negócio e ensino. Para tanto, o Grupo se mantém atento ao universo de startups e às tendências tecnológicas que estão se desenvolvendo no mercado educacional. É o que explica Danilo Machado, Diretor de TI da Laureate Brasil.

Inovar constantemente e rapidamente apenas com o time interno é algo que, geralmente, demanda muitos investimentos e um longo tempo. Neste sentido, entendo que as grandes empresas veem as parcerias com startups como uma forma ágil e mais acessível de validar uma hipótese, sendo esse um conceito que considero base para a inovação. Na Laureate, por exemplo, enfatizamos a estratégia de sempre procurar algo no mercado antes de criar algo do zero”, comenta Danilo Machado, Diretor de TI da Laureate Brasil.   

Buscando o Pitch ‘n Pizza da Liga Ventures

Com essa estratégia em mente, a Laureate Brasil buscou o Pitch ‘n Pizza da Liga Ventures para se aproximar de modo estratégico de startups capazes de contribuir com os desafios do grupo e alavancar ainda mais as inscrições nos diferentes cursos oferecidos pelas instituições Laureate. O evento, realizado em novembro de 2019, também foi uma oportunidade de explorar, junto com o time de gestão da empresa (presidente, diretores e gerentes seniores) o conceito de inovação aberta, apresentando oportunidades de parceria existentes no mercado educacional.

Estamos vivendo uma nova era. Um momento de transformação, no qual, mais do que nunca, o aprendizado e a troca não param. Hoje, o fenômeno de complementaridade e de estar aberto para o novo maximizam os resultados e ao mesmo tempo ganhamos velocidade. A parceria com a PNP nos ajudou a mostrar na prática que tudo isso é possível. Através do Pitch ‘n Pizza, conhecemos uma série de soluções rápidas e práticas para atender às nossas necessidades”, aponta Simone Simões, diretora de marketing da Laureate Brasil.

A experiência do Pitch ‘n Pizza

Para os executivos da Laureate Brasil, um dos principais benefícios do PNP foi poder conhecer startups que, de fato, eram aderentes às demandas do grupo e, por meio do evento, foi possível dialogar com empreendedores com profundo conhecimento sobre os desafios do segmento educacional brasileiro. 

Foi uma experiência muito interessante. Recebemos diversos feedbacks positivos de todos os níveis da organização relacionados a estrutura do evento, aderência na solução dos problemas propostos e dinâmica. Elenco dois pontos chaves para o sucesso do Pitch ‘n Pizza: A shortlist inicial que a Liga Ventures apresentou trouxe startups de grande qualidade, com founders que conhecem, com profundidade, o mercado de educação; além da participação ativa dos heads das áreas de MKT/Comercial na escolha das startups que deveriam participar do evento”, diz o Diretor de TI da Laureate Brasil, Danilo Machado. 

O executivo acrescentou que a dinâmica utilizada pela Liga de 5 minutos de pitch e 10 minutos para perguntas funcionou de modo eficiente e deixou o evento dinâmico, engajando diferentes equipes da empresa.         

Construindo parcerias com startups inovadoras

Um dos desafios propostos pela Laureate Brasil no Pitch ‘n Pizza foi a captação de novos leads no ambiente digital, aproveitando a janela de divulgação da nota do ENEM. Simone Simões, diretora de marketing da organização explica a importância deste período para o mercado de educação.

É nesse período que as IES (Instituições de Ensino Superior) privadas captam em maior volumetria inscrições/matrículas. Dessa forma, o ambiente digital tem uma grande importância na estratégia de captação das IES devido à sua alta capilaridade e baixo custo quando comparado aos meios tradicionais. Vale ressaltar que no mundo cada vez mais digitalizado, é fundamental estar presente em toda a jornada deste candidato e impactá-los de forma a garantir seu engajamento”, expõe Simões.

Dentro deste contexto, durante o PNP, a Laureate Brasil identificou a oportunidade de firmar uma parceria com a Inflr, startups de São Paulo que conecta empresas com um ecossistema de influenciadores e cria campanhas automatizadas e customizadas de acordo com a necessidade de cada organização. 

“Para trabalharmos no desenvolvimento dessa jornada do ENEM no ambiente digital, escolhemos a startup Inflr. Com eles, trabalhamos em uma estratégia para combinar atuação de dois importantes pilares: influenciadores e reengajamento. Com isso, foi possível impactar nossos target com melhor acuracidade e aderência ao posicionamento das nossas marcas. A parceria foi firmada em janeiro deste ano, com quatro de nossas marcas: UnP (RN), UNIFACS (BA), FMU e Anhembi Morumbi (ambas em SP). De modo geral, a Inflr nos apresentou um aumento significativo em todos os leads captados durante a janela do ENEM no ambiente digital, com destaque para uma melhor performance nas marcas de São Paulo. Além disso, conseguimos reduzir o valor do CPI (Custo por Inscrito) quando comparado à média do CPI da WR ENEM em outras plataformas, no mesmo período”, resume Simões.

Resultados alcançados com o Pitch ‘n Pizza da Liga Ventures 

  • Aumento significativo dos leads captados para a Laureate Brasil no ambiente digital após projeto com startup apresentada no PNP;
  • Redução de Custo por Inscrito nas instituições do grupo que participaram do projeto;
  • Ampliação da comunicação das marcas da Laureate Brasil com os targets do grupo;
  • Maior conversão de leads, garantindo volumetria a um custo mais baixo no ambiente digital
  • Engajamento com todos os níveis da organização durante o PNP e difusão do conceito de inovação aberta com o time de gestores da Laureate Brasil.

Sobre o Pitch ‘n Pizza Online

O Pitch ‘n Pizza é um evento realizado pela Liga Ventures para promover a troca de conhecimentos, insights e novas possibilidades de geração de negócio entre empreendedores e corporações. Em cada edição são apresentadas até 6 startups e os colaboradores da corporação podem tirar suas dúvidas em tempo real sobre as soluções apresentadas e, no pós-evento, conversar com os empreendedores em salas de bate-papo exclusivas.

E A PIZZA? No modelo online, todos os participantes recebem vouchers para a aquisição de pizzas em aplicativos de delivery.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo