Inovação

Venture Capital e Private Equity: o que são e seus benefícios

Você já ouviu falar em Venture Capital e Private Equity? Se você é um empreendedor e deseja levantar recursos e investimentos para sua empresa, é importante entender esses termos, pois uma hora ou outra vão aparecer como alternativas.

Na busca por investimentos em um negócio, é comum que empreendedores vão ao mercado financeiro à procura de interessados em financiar o crescimento da empresa. Isso é uma prática frequente e bastante útil e eficiente, ainda mais com tantas opções disponíveis atualmente para Funding.

Funding nada mais é do que a captação de recursos financeiros para investimentos em crescimento de um projeto. O que é necessário destacar é que existem várias formas de captar esse capital. Neste conteúdo vamos falar sobre dos principais tipo dessa atividade: Venture Capital e Private Equity.

O que é Venture Capital e Private Equity (VC/PE)?

De uma forma bem simples, podemos dizer que Venture Capital, ou simplesmente VC, é um tipo de captação de recursos proporcionado por investidores ou fundos de investimentos focados em aplicar capital em negócios com pouco tempo no mercado e com muito potencial de crescimento.

Além disso, o Venture Capital também é direcionado para empresas de pequeno e médio porte. Esse direcionamento é realizado por causa da interação entre investidor e negócio. Diferentemente de outros tipos de investimentos, o VC não busca apenas injetar capital no negócio, mas também ajudar na gestão e no andamento do projeto em busca de crescimento.

Por outro lado, Private Equity é o tipo de Funding voltado para empresas já consolidadas no mercado, mas que ainda possuem um horizonte definido para seu crescimento. Dessa forma, esses investidores comprar parte de um negócio com o objetivo de gerar valorização e acelerar o crescimento, depois vendem a sua parte no futuro.

É uma estratégia muito eficaz para empresas de grande porte, que pretendem expandir seu negócio e abrir o capital para investidores em Bolsas de Valores, por exemplo.

Como funciona o investimento de Venture Capital?

O processo para recebimento de investimentos via Venture Capital costuma ser longo e burocrático, de uma forma que é necessário certificar que, tanto empresa quanto investidores, estejam alinhados em relação às expectativas.

Assim, podemos dizer que a captação de recursos via Venture Capital tem seu funcionamento dividido em 9 etapas:

 

  1. Identificação: momento em que o fundo de investimento ou investidor identifica um negócio com possibilidade de receber capital e entra em contato com os sócios. Atualmente, essa etapa também pode acontecer ao contrário, empresas, principalmente startups, entram em contato com fundos de Venture Capital.
  2. Estudo ou análise: etapa em que a empresa envia as informações mais importantes do seu negócio para que os investidores analisem e entendam a rentabilidade do investimento.
  3. Precificação: por meio da análise, os investidores chegam ao valor da empresa e definem a forma como será investido o capital.
  4. Negociação: após definir o preço da empresa e o investimento, a etapa de negociação é onde o fundo apresenta sua proposta e ambas as partes chegam a um acordo sobre os valores e termos de contrato da operação.
  5. Due-Diligence: chegando ao acordo entre empresa e investidores, passando pela aprovação do Comitê de Investimentos deste fundo, é realizado o processo de auditoria da empresa. Esse processo tem o objetivo de averiguar a existência de contingências jurídicas e financeiras e analisar questões como aspectos societários, contratuais, contenciosos etc.
  6. Realização do investimento e preenchimento da documentação: após toda averiguação, os recursos são repassados para a empresa e é assinado o Contrato de Investimento, gerando um novo acordo de acionistas e deixando o fundo como sócio do negócio.
  7. Acompanhamento: dependendo do que é determinado em contrato, o fundo pode acompanhar ativamente da gestão da empresa ou apenas acompanhar os resultados de crescimento.
  8. Recapitalização: por fim, caso seja interesse do fundo, ele pode vender sua parte da associação para que o capital investido seja devolvido aos investidores. Na contramão, há contratos em que os investidores continuam como sócios.

Quais são os benefícios do Venture Capital para empresas investidas?

De uma forma geral, é comum pensarmos que um investimento tem como vantagem apenas a captação de recursos para o negócio. Porém, esse é apenas um ganho comum a todos tipos de Funding, quando falamos em Venture Capital, podemos destacar 4 benefícios particulares:

 

  1. Proximidade entre investidores e empresa: diferentemente de outros tipos de Funding em que apenas o capital é repassado, no Venture Capital os investidores se aproximam da gestão da empresa e da operação como um todo. Com isso, é possível auxiliar no crescimento e orientar a gestão em busca dos melhores resultados.
  2. Parcerias duradouras: é comum que os investidores que entram via Venture Capital se aproximem tanto do negócio, que se apegam à empresa. Dessa forma, é mais comum encontrarmos parcerias mais duradouras e longínquas nessa modalidade de Funding.
  3. Conselho fiscal e administrativo: além de levantar recursos para aplicação no crescimento, a empresa também ganha a responsabilidade de prestar contas e estar em dia com a obrigações fiscais. A criação de um conselho fiscal envolvendo empresa e fundo faz com que essas informações sempre estejam corretas e averiguadas por várias pessoas.
  4. Crescimento rápido e exponencial: empresas que recebem investimento via Venture Capital, normalmente, conseguem atingir um crescimento rápido. Como esse tipo de fundo é destinado aos negócios que possuem um horizonte de atuação amplo para explorar, com recursos é possível alcançar esse mercado rapidamente.

Qual momento ideal para receber investimento de Venture Capital?

Entender sobre o momento da empresa é fundamental para responder essa pergunta. Investimentos de Venture Capital geram impactos em toda a organização, o que torna necessário analisar se o negócio está preparado para tal impacto.

Como haverá uma cobrança em torno do crescimento e da valorização da empresa, os sócios devem ter certeza que cada processo está preparado para sofrer essa pressão. Para isso, a recomendação é que sejam levados os seguintes pontos em consideração:

Aumento de sócios: a gestão da empresa será um dos principais pontos afetados por esse investimento. É preciso avaliar se há a preparação para dividir essa responsabilidade com outras pessoas sem gerar nenhum conflito.

Crescimento rápido: seu negócio está preparado para crescer rapidamente? Por mais que a resposta quase automática seja sim, é necessário avaliar se os processos, operação e produção podem crescer sem comprometer as entregas.

Mais pessoas envolvidas na empresa: ao aceitar esse tipo de investimento para sua empresa, você estará abrindo as portas para algumas pessoas que vão passar a fazer parte da rotina do negócio. Então, esteja preparado para o aumento de circulação de pessoas e a necessidade de ter que dar mais explicações também.

Qual a importância do Venture Capital e Private Equity para economia do Brasil?

Atualmente, Venture Capital e Privaty Equity representam algumas formas mais procuradas para o investimento em crescimento de empresas.

Acompanhamos recentemente o surgimento de um novo mercado: as startups. Empresas emergentes que desejam desenvolver modelos de negócios escaláveis em seus campos de atuação.

Essa empresas representam atualmente uma grande parte do movimento da economia. Segundo dados da Associação Brasileira de Startups (ABStartups) e divulgado pela Agência Brasil, em 2018 já existiam 6 mil startups no Brasil.

Portanto, como Venture Capital e Private Equity são os modelos mais procurados pelas startups para acelerar o crescimento, eles se tornam um dos meios de maior incentivo à economia do país.

Gostou do conteúdo? Continue aprendendo tudo sobre o mundo das startups com nosso post sobre como convencer investidores com um pitch perfeito.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar