Inovação

Entenda o que é Lean startup e suas vantagens para o negócio

Em tempos onde encontramos uma grande variedade de metodologias, estratégias e termos utilizados para significar ações realizadas por empreendedores e gestores e seus negócios, um anda chamando a atenção de todo o negócio: Lean Startup.

A ideia de contar com um conceito que relaciona a palavra lean (que quer dizer enxuta) com um dos principais modelos de empresas atuais (startup) enche os olhos de muita gente. Porém, é necessário entender bastante este conceito, bem como sua natureza, para realmente conseguir utilizar o método em um negócio.

Por isso, ao longo deste artigo você vai entender o que é Lean Startup, quais os princípios deste modelo e quais as vantagens. Confira:

O que é Lean Startup

Lean Startup é um modelo de negócio para empresas que consiste na eliminação de desperdícios. Para isso, são utilizadas ações, tecnologias e metodologias para identificar e reduzir a maior quantidade de recursos possível, criando uma forma de desenvolver uma solução de uma maneira rápida e eficiente.

Este conceito é importante para empreendedores que estão desenvolvendo projetos de produtos e serviços, pois permite que todo o processo aconteça com base em MVPs (Minimum Viable Product).

Dessa forma, lava-se em em consideração métodos ágeis e Design Thinking para a identificação da solução e das melhorias necessárias para que o resultado realmente resolva o problema apresentado.

O conceito de Lean Startup ficou famoso e foi trabalhado melhor por Eric Ries em seu livro "Lean Startup", traduzido no Brasil com o título "Startup Enxuta". Ao reunir ideias que provém do marketing, tecnologia, inovação e gestão, o autor propôs uma metodologia universal que pode ser aplicada em empresas de diversos formatos para que estas consigam eliminar desperdícios.

Com isso, além de introduzir conceitos importantes como o MVP, agilidade de processos e inovação, o autor ainda desperta a necessidade de olhar para o cliente em todas as ações. Para que esse objetivo seja alcançado ele define os 5 princípios da uma Lean Startup. Confira:

Princípios da Lean Startup

1. Empreendedorismo

Uma das primeiras ideias que o autor deixa claro é que o empreendedorismo não possui um formato definido. Assim, ele não acontece somente em empresas, ambientes corporativos e salas de reuniões. Bom exemplo para comprovar este fato é o surgimento de algumas empresas de tecnologia em garagens.

De acordo com os princípios de Lean Startup, empreendedorismo está relacionado com a criação de soluções inovadoras para problemas existentes, geralmente em condições de escassez de recursos e incertezas sobre o cenário.

2. Gestão eficiente e ágil

Quando falamos em uma startup a primeira coisa que muitos empreendedores pensam é a inovação e a tecnologia envolvidas no desenvolvimento do produto. Porém, para o conceito de Lean Startup, é fundamental que a gestão seja realizada de uma forma eficiente.

Encarar a startup a partir do produto que ela oferece é um erro de gestão, afinal, deve ser gerenciada como uma empresa. Assim, o cenário de incertezas deve ser administrado utilizando métodos ágeis de gerenciamento de projetos e processos que realmente estejam focados em resultados.

3. Aprendizado validado

A sustentabilidade de um modelo de negócios de uma startup deve ser construída a partir dos aprendizados que ela possui sobre a solução, o mercado e o seu consumidor. Não é a toa que um dos principais métodos utilizados para a construção de uma Lean Startup é a produção de MVPs.

Um Minimum Viable Product, ou Mínimo Produto Viável, é a forma de testar hipóteses e reunir a solução com a proposta de valor. Assim, é possível a construção de aprendizados e o desenvolvimento de um produto ou serviço realmente sustentável.

O aprendizado é tão importante para o conceito de Lean Startup, que um dos marcos do conceito é: a certeza que se algo não serve para aprender sobre o cliente, provavelmente é um desperdício.

4. Build - Measure - Learn

Este princípio pode ser traduzido como Construir Medir e Aprender, na prática, ele pode ser entendido como o caminho natural que uma Lean Startup deve seguir. Este caminho se baseia em três pontos que estão interligados:

  • Construir produtos / serviços
  • Mensurar o resultado e a reação dos clientes
  • Aprender e fazer melhorias a partir do aprendizado

5. Inovação em todos os setores

Como falamos, todo o conceito de Lean Startup é baseado na premissa de encontrar e evitar os desperdícios. Para alcançar este resultado é necessário que a operação por trás do desenvolvimento da solução seja sustentável e eficiente.

Para chegar a este resultado é preciso que a inovação aconteça em todos os setores e parta de uma cultura de inovação que esteja presente no DNA na organização.

Já falamos sobre a gestão e poderíamos falar sobre a contabilidade ou mesmo a tratativa com as pessoas. Estes processos devem ser baseados em métricas, cultura e funcionamento pensados especificamente para startups.

Vantagens de usar o método

As vantagens do método de Lean Startup são inúmeras e o simples fato de eliminar recursos demasiados e evitar desperdícios já torna o conceito interessante para empreendedores.

Porém, ainda podemos destacar outros benefícios da utilização do método Lean Startup para as empresas:

Aumento de produtividade

Com a utilização de métodos ágeis, é possível otimizar o desempenho de equipes e profissionais e atingir o aumento de produtividade necessário para melhorar também resultados.

Além disso, a simplificação de processos também permite a criação de uma operação mais focada em otimizar o produto ou serviço e assim melhorar o desempenho junto ao consumidor.

Redução de Custos

Quando falamos em eliminação de desperdícios, o primeiro ponto que aparece é a redução dos custos envolvidos na rotina de uma startup.

A utilização do método Lean Startup melhora o retorno sobre investimento financeiro da empresa. Para chegar a este resultado, os principais aliados são os testes dos produtos e serviços em sua versão mais enxuta e a eliminação de gargalos..

Proximidade com clientes

Por fim, é necessário destacar que todo o conceito de Lean Startup tem como foco a proximidade entre startup e os seus clientes. Assim, os aprendizados, os testes e qualquer processo devem ser pensados para gerar uma melhor experiência na resolução do problema de um público.

Seguindo este caminho, o resultado natural é a construção de uma relação mais próxima entre as duas partes e o desenvolvimento de uma solução eficiente, sustentável e livre de desperdícios, ou seja, uma Lean Startup.

Agora que você já sabe o que é Lean Startup, conheça sobre os tipos de inovação e veja como iniciar esse processo em sua empresa.

Etiquetas
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar